Crítica: “Um Tio Quase Perfeito 2”

Um filme cuja maior (e muito válida) pretensão é colocar um sorriso no rosto do espectador. Esse é “Um Tio Quase Perfeito 2”, comédia nacional que chega hoje às principais plataformas de streaming.

Dirigido por Pedro Antonio Paes (que também é um dos roteiristas, ao lado de Leandro Muniz, Sabrina Garcia e Rodrigo Goulart), o longa é a continuação de “Um Tio Quase Perfeito” – lançado em 2017 e que garantiu uma sequência graças ao seu carismático protagonista Tony (interpretado por Marcus Majella).

A trama mostra que o ex-trambiqueiro aparentemente tomou jeito e agora trabalha como professor e recreador infantil – o que faz com bastante desenvoltura, estando bem à vontade nas sequências que divide com várias crianças em um parque aquático.

Tio dedicado, Tony vê seu posto de favorito ameaçado com a chegada do noivo de sua irmã Ângela (Letícia Isnard). Beto (Danton Mello) é uma figura misteriosa, cujas qualidades exageradas fazem com que ele parece alguém “bom demais para ser verdade”, o que leva a imediatas desconfianças.

Para provar a teoria de que sua família não precisa de dois novos membros – Beto é pai de Rodrigo (Fhelipe Gomes), adolescente que também não parece feliz com a ideia de ganhar uma madrasta e três novos irmãos -, Tony será capaz dos mais hilários (duvidosos?) planos, o que acabará por colocar sua relação familiar cada vez mais em risco.

Se Marcus Majella segue como grande destaque da produção, boa parte de seu êxito em tela se deve à visível química que seu personagem tem com os sobrinhos. O trio formado por Patrícia, João e Valentina (mais uma vez interpretados por Julia Svacinna, João Barreto e Sofia Barros, respectivamente) é o grande catalizador da essência da história e mostra a importância de se entender as mudanças pelas quais a família está passando e o quanto isso servirá para fortalecer seus alicerces.

A produção é simples e direta e, por isso mesmo, sincera com o público. Ao mostrar fatos comuns a qualquer família, ela consegue se aproximar dos espectadores que acabam torcendo para que as coisas se encaixem da melhor maneira possível. Tudo regado a um humor inofensivo, que é uma opção adequada a todas as idades.

Vale conferir. Já disponível nas Plataformas digitais de Aluguel e Compra: Apple TV (iTunes), Google Play, Microsoft Films &TV (Xbox) e PlayStation Store. Plataformas digitais exclusivamente para aluguel: Looke, NOW e SKY.

por Angela Debellis

*Título assistido via streaming, a convite da Sony Pictures Home Entertaiment.

Filed in: BD, DVD, Digital

You might like:

AMPARA Animal faz projeções de animais para adoção em prédio no centro de São Paulo AMPARA Animal faz projeções de animais para adoção em prédio no centro de São Paulo
Ainda dá para conhecer o espaço “Maluquinho por Robótica” no Shopping Campo Limpo Ainda dá para conhecer o espaço “Maluquinho por Robótica” no Shopping Campo Limpo
“Matrix Resurrections” ganha data para chegar à HBO Max “Matrix Resurrections” ganha data para chegar à HBO Max
Gloob apresenta a quinta edição do “Rolê Gloob” Gloob apresenta a quinta edição do “Rolê Gloob”
© AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.