“Doze Flores Amarelas”: Ópera Rock composta pelos Titãs chega a São Paulo

Crédito: Divulgação

Em abril, estreia a primeira Ópera Rock brasileira composta por uma banda de rock: “Doze Flores Amarelas”, criada pelos Titãs.

A tradição (internacional) das óperas rock vem desde que o The Who compôs e montou o clássico “Tommy”, passou pelo conceitual “The Wall”, do Pink Floyd, e mais recentemente por “American Idiot”, dos pop punks Green Day. Há ainda as inesquecíveis “Arthur” dos Kinks, “O Fantasma do Paraíso”, dirigido por Brian de Palma e a blockbuster “Jesus Christ Superstar”, de Andrew Lloyd Weber. Os Titãs bebem dessa fonte, na mesma medida em que imprimem sua digital.

O espetáculo de canções inéditas que narram uma história, terá pré-estreia  no emblemático Guairão (Teatro Guaíra), no tradicional  Festival de Teatro de Curitiba. Branco Mello, Sergio Britto e Tony Bellotto decidiram pelo formato e convidaram Hugo Possolo – ator, dramaturgo e diretor do grupo de teatro Parlapatões – e o escritor, dramaturgo e jornalista Marcelo Rubens Paiva para reuniões criativas. Deste encontro surgiu o argumento, assinado pelos cinco.

O tema da narrativa foi uma unanimidade. Nasceram das inquietações atuais, contemporâneas, como assédio, abuso, violência contra a mulher, aborto e tecnologia tóxica do mundo digital. O espetáculo narra a história de três jovens, estudantes de faculdade (as Marias A, B e C) que, como todos de sua turma, usam a tecnologia frequentemente, em especial, um aplicativo chamado Facilitador.

Numa dessas consultas, perguntam como devem fazer para curtirem ao máximo uma grande festa. Mas a festa acaba mal. Elas são violentadas por cinco colegas. Recorrem novamente ao mesmo aplicativo para se vingarem e este indica o feitiço das doze flores amarelas, que batiza o espetáculo.

Depois do feitiço realizado, um dos estupradores morre. Elas ficam em dúvida sobre seu real poder. Não sabem se o fato ocorreu a partir da magia, do uso da tecnologia, ou se foi uma simples coincidência. E o que fazer então? O desfecho aponta para que, embora cada uma tenha uma diferente reação, que o poder delas está em enfrentar a situação e denunciar os abusadores.

Diferentemente de compor para um disco, os Titãs começaram a criar músicas sobre temas muito distintas entre si, o que deu uma liberdade autoral enorme.  Entre as canções que compõem o repertório estão “A Festa”, “Me Estuprem” e, claro, “Doze Flores Amarelas”.

Além de co-autor do argumento, Hugo Possolo divide a direção do espetáculo com o cineasta Otavio Juliano (que recentemente lançou o longa metragem com a história da banda  Sepultura). São 25 canções inéditas dos Titãs, que se juntam aos guitarrista e baterista da banda, Beto Lee e Mario Fabre. Três cantoras/atrizes completam a linha de frente musical, Corina Sabbas, Cyntia Mendes e Yas Werneck.

O cenário foi criado pelos diretores e Luciana Ferraz que também assina o design e criação de vídeos , os figurinos são de Renato Paiutto, a produção musical é de Rafael Ramos, o desenho de luz de Guilherme Bonfanti, a direção de movimento é de Olivia Branco o design gráfico de Juliano Seganti. A produção do espetáculo está sendo realizada com o patrocínio da Estácio por meio da lei federal de incentivo à cultura, Lei Rouanet.

Serviço:

Doze Flores Amarelas

Sesc Pinheiros

Rua Pais Leme, 195 – Pinheiros, São Paulo – SP, cep: 05424-150

12, 13 e 14 de abril às 21h. 15 de abril às 18h

Venda online a partir de 03 de abril às 19h. Venda nas unidades a partir de 04 de abril às 17h30

Ingressos: De R$ 18,00 a R$ 60,00

Todas as apresentações contarão com audiodescrição (serão fornecidos 15 aparelhos por data e ordem de chegada) e legendas visando a acessibilidade. Os ingressos terão preços populares

da Redação A Toupeira

Filed in: Teatro

You might like:

Havaianas mergulha no universo secreto dos brinquedos com “Toy Story 4” Havaianas mergulha no universo secreto dos brinquedos com “Toy Story 4”
Assista ao trailer oficial de “Aprendiz de Espiã” Assista ao trailer oficial de “Aprendiz de Espiã”
Lilia Cabral é solteirona que quer desencalhar no trailer de “Maria do Caritó” Lilia Cabral é solteirona que quer desencalhar no trailer de “Maria do Caritó”
“Doutor Sono” ganha primeiro trailer legendado e pôster nacional “Doutor Sono” ganha primeiro trailer legendado e pôster nacional
© 2019 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.