Em cena inédita de “Mundo Cão”, personagem de Paulinho Serra mostra seu lado justiceiro

Ramiro, personagem de Paulinho Serra em “Mundo Cão”, filme de Marcos Jorge, é adepto a fazer justiça com as próprias mãos. Em cena inédita divulgada hoje, ele discute com Santana (Babu Santana) e Banzé (Antonio Ravan), seus colegas no Departamento de Combate às Zoonoses, depois de uma missão para capturar um cachorro bravo e que quase terminou mal.

Ramiro enfatiza que devia ter matado o cão que quase o mordeu e ainda rasgou sua calça. E discursa sem constrangimento: “Quase que me come e ainda arregaça minha calça. Nem dois meses tinha essa calça. Devia ter matado esse cachorro, assim não precisava levar para o Zoonoses. Devia ser assim, ó: cachorro é bravo, chama o Capitão Nascimento. Acabou!” Ao comentário, segue uma discussão acalorada entre os três sobre justiça e vingança, bandidos, e diferenças entre o seres humanos e os animais.

Produzido pela Zencrane Filmes em parceria com a Migdal Filmes, com coprodução da Paramount Pictures Corporation, da Globo Filmes e da Lereby e distribuição da Paris Filmes e da Downtown Filmes, o suspense reúne um elenco de peso: Lázaro Ramos, Adriana Esteves, Babu Santana, Milhem Cortaz, Antonio Ravan, Thainá Duarte, Vini Carvalho, entre outros. O filme estreia em março de 2016.

Para assistir ao vídeo, clique aqui.

Mundo Cão cena inédita

da Redação A Toupeira

Filed in: Cinema Tags: , , , ,

You might like:

Sonic detona armas de Robotnik em novo clipe de ‘Sonic – O Filme’ Sonic detona armas de Robotnik em novo clipe de ‘Sonic – O Filme’
Paramount divulga o segundo trailer de “Jack Reacher: Sem Retorno” Paramount divulga o segundo trailer de “Jack Reacher: Sem Retorno”
“Ghost in the Shell” tem primeiras cenas liberadas pela Paramount “Ghost in the Shell” tem primeiras cenas liberadas pela Paramount
Paramount divulga novas datas de próximos lançamentos Paramount divulga novas datas de próximos lançamentos
© 1648 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.