“O Rei Macaco: Uma Aventura Mágica”

Extremamente rica no que diz respeito a lendas, a mitologia chinesa é fonte para diversas produções cujos resultados costumam ser bem interessantes, justamente graças ao valoroso conteúdo no qual se baseiam.

Com versões dubladas e legendadas disponíveis nas plataformas digitais: NOW, Looke, Microsoft, Vivo Play, Google Play e Apple TV, “O Rei Macaco: Uma Aventura Mágica” (Monkey Magic) reconta o famoso clássico chinês através dos olhos de brinquedos, o que dá um ar adorável à produção.

Dirigida por Xihai Ma, a animação nos apresenta um jovem macaquinho de brinquedo que acredita piamente ser o Rei Macaco da lenda. Alvo de piadas entre as demais figuras de brinquedos variados, ele decide partir rumo ao Oeste em busca de um objeto mítico que possa lhe dar credibilidade frente aos amigos.

O resultado dessa jornada é um encontro com o Rei Macaco original, Sun WuKong, que foi expulso do panteão do Monge Tang  e que passa a treiná-lo como aprendiz na Montanha Sagrada, onde vive. Em troca, este promete emprestar por um dia ao pequeno, seu bastão dourado – o tal artefato a ser apresentado aos demais brinquedos.

É claro que no meio desse aprendizado acontecem vários momentos que parecem pouco promissores no que diz respeito à evolução do discípulo e que são bem divertidos para os espectadores. Assim como também há a participação de um vilão, representado pelo Deus Touro (em sua versão original e de brinquedo), cuja pretensão é tomar o bastão e todo poder nele contido para si, custe o que custar.

Ao contar uma versão da história de maneira mais acessível – e infantil – o roteiro de Chen Zhang consegue, com sucesso, atingir uma parcela maior do público, já que tudo é facilmente entendido, sem perder o interesse do conto clássico e até servindo de estímulo para que possamos saber mais sobre ele. Quem já o conhece melhor deve encontrar várias referências durante a exibição.

Em matéria de animação, os gráficos são muito bonitos e detalhados, com destaque para as mais variadas texturas. O uso de muitos closes contribui para que tais informações fiquem ainda mais evidentes e mereçam ser valorizadas.

Com diversos personagens tendo algum tipo de participação, ainda cabe destacar as duas versões do Rei Macaco. Agindo de maneiras distintas, mas tendo muito em comum, as duas perspicazes figuras não devem encontrar obstáculos para conquistar a simpatia dos espectadores.

Vale conferir.

para Angela Debellis

*Título assistido via streaming, a convite da A2 Filmes.

Filed in: BD, DVD, Digital

You might like:

Looke Kids passa a disponibilizar assinatura independente Looke Kids passa a disponibilizar assinatura independente
Vivo libera sinal dos canais HBO Vivo libera sinal dos canais HBO
“Os Croods: Uma Nova Era” terá sessões antecipadas a partir de 25 de dezembro “Os Croods: Uma Nova Era” terá sessões antecipadas a partir de 25 de dezembro
A animação “Soul”, da Pixar, tem novo pôster e trailer dublado divulgado A animação “Soul”, da Pixar, tem novo pôster e trailer dublado divulgado
© 2020 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.