Royal Canin viabiliza intervenção urbana em São Paulo

Crédito: Divulgação / Royal Canin

Nos últimos seis anos, a população de gatos cresceu mais que o dobro que a de cães, acumulando 8,1% de aumento contra 3,8% do crescimento canino, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A tendência foi confirmada pela recente pesquisa realizada no País pela Royal Canin, marca líder em Nutrição Saúde para gatos e cães, no mês de agosto deste ano, com 2 mil tutores de felinos, que apontou um crescimento de 30% de gatos nos lares brasileiros durante a pandemia do coronavírus.

Ainda existe uma grande falta de conhecimento sobre a espécie. A pesquisa mostrou alguns dados alarmantes: 43% dos tutores que trouxeram um novo gato para seu lar durante a pandemia não os levaram ao Médico-Veterinário nenhuma vez. Além disso, 29% dos que já possuíam um felino antes da pandemia relataram que diminuíram muito a frequência das consultas devido ao atual momento.

“Diferente dos cães, os felinos demoram a presentar sintomas de que algo não vai bem e isso faz com que as doenças sejam descobertas em estágio avançado, impactando diretamente no bem-estar e expectativa de vida deles”, conta Carlos Martella, Diretor de Marketing da Royal Canin Brasil.

Por isso, a marca convidou o artista Tito Ferrara para ajudá-la, por meio da arte, a conscientizar as pessoas sobre a importância das idas frequentes ao Médico-Veterinário. A iniciativa busca estimular com que a vida real imite a arte e é parte do maior investimento em uma campanha de comunicação já realizado pela Royal Canin no país, intitulada “Meu Gato No Vet”.

“Desde a fase de idealização da campanha, queríamos algo impactante, que tocasse a rotina das pessoas e promovesse reflexões sobre a causa. Esta é a primeira vez que a Royal Canin aposta em uma ação desse tipo, utilizando a arte para contar uma história relevante para nós, que colocamos os pets no centro de tudo o que fazemos. A ideia não era apenas estampar a cidade com uma mensagem sobre a importância da saúde preventiva dos felinos, mas também ser um registro que promova nos tutores de gatos a lembrança da necessidade do agendamento de check-ups regulares anuais. Temos pesquisas que mostram que 42% deles adiam a ida ao Médico-Veterinário e isso é muito preocupante”, complementa Carlos.

Crédito: Divulgação / Royal Canin

A vida inspira a arte e a arte inspira a vida

Tito Ferrara é um artista paulistano, com relevante notoriedade nacional, cujo trabalho é muito focado em retratos e em pessoas; e usa tanto suas feições quanto suas histórias como fonte de inspiração e conteúdo. “Eu falo que por trás de cada retrato há uma história, e esse é o conceito do meu trabalho”, explica Tito.

E a união de Tito com a Royal Canin teve um impacto relevante na vida do artista, que usou a gata da família – a Emi – como inspiração para criar a arte que estampa o mural gigantesco, localizado em uma empena cega de um prédio no bairro Vila Nova Conceição, na cidade de São Paulo.

Mas o mais impactante foi a revelação de identificação com o tema da campanha. “A Emi nunca tinha ido ao Médico-Veterinário, por isso esta obra para a campanha ‘Meu Gato No Vet’ foi muito significante para mim”, relata o artista.

A arte retrata a relação de cuidado de uma Médica-Veterinária com um gato sem raça definida. Ambos estão olhando para a cidade e criando uma conexão imediata com quem a admira. Ela impacta por sua magnitude e riqueza de detalhes, gerando reflexões imediatas sobre a causa da campanha “Meu Gato No Vet”.

O edifício escolhido para receber a obra fica na Avenida Santo Amaro, 220, em sua face lateral, que é facilmente visível na esquina com a Avenida Presidente Juscelino Kubitschek.

“Para mim, pintar uma empena foi muito importante, ainda mais sendo em São Paulo, a cidade onde eu nasci. Trata-se do trabalho mais alto que eu já fiz, e foi como realizar um sonho. Para o artista que pinta na rua, quanto mais alto for o painel mais legal é. Além disso, agora, a Emi, que é como um membro da família, vai passar a fazer seus check-ups de saúde regulares. Essa obra me marcou e espero que marque outros tutores de gatos também”, finaliza Tito.

A Royal Canin contou com a curadoria e produção da agência Dionisio Arte para viabilizar esta intervenção artística na cidade de São Paulo.

da Redação A Toupeira

Filed in: De tudo um pouco

You might like:

“Pequenos Grandes Heróis” ganha trailer oficial, pôster nacional e nova data de estreia “Pequenos Grandes Heróis” ganha trailer oficial, pôster nacional e nova data de estreia
Escape Time e SBT promovem o “Escape das Câmeras Escondidas” na CCXP Worlds Escape Time e SBT promovem o “Escape das Câmeras Escondidas” na CCXP Worlds
Crítica: “Trolls 2” Crítica: “Trolls 2”
Crítica: “10 Horas para o Natal” Crítica: “10 Horas para o Natal”
© 2020 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.