Carlos Ruiz Zafón: Autor de “A Sombra do Vento” falece aos 55 anos

Dia triste para os leitores. Carlos Ruiz Zafón, autor da aclamada quadrilogia do “Cemitério dos Livros Esquecidos” faleceu hoje, 19 de junho, aos 55 anos, em sua residência em Los Angeles – Estados Unidos. Ele lutava contra um câncer há cerca de dois anos.

O autor ganhou reconhecimento mundial graças ao livro “A Sombra do Vento”, publicado em 2001, que ganhou traduções em cerca de 50 idiomas e alcançou uma venda de milhões de exemplares, sendo considerado o primeiro best-seller espanhol de sua geração.

Depois deste, outros três capítulos ajudaram a compor a quadrilogia: “O Jogo do Anjo” (2008), “O Prisioneiro do Céu” (2011) e “O Labirinto dos Espíritos” (último livro de sua autoria, lançado em 2016).

O primeiro livro a ser lançado por ele foi “O Príncipe da Névoa”, de 1993, que daria início à “Trilogia da Névoa”, que, assim como o restante de sua obra, também acabou sendo amplamente reconhecida por leitores ao redor do mundo, graças ao sucesso de “A Sombra do Vento”.

Zafón nunca cogitou permitir que seus livros fossem adaptados para outra plataforma (cinema ou televisão). Segundo ele, seria uma traição para com seus textos, o que significa que não haverá novos trabalhos criados a partir de suas obras originais.

Crédito das imagens: Reprodução Instagram.

da Redação A Toupeira

Filed in: Livros

You might like:

Sugestões de presente para o Dia dos Namorados – Brasil Cacau apresenta chocolates para a data Sugestões de presente para o Dia dos Namorados – Brasil Cacau apresenta chocolates para a data
Batida de saquê com leite fermentado da Água Doce para o fim de semana Batida de saquê com leite fermentado da Água Doce para o fim de semana
Petlove celebra 25 anos com evento de adoção em nova loja conceito na Oscar Freire, em São Paulo Petlove celebra 25 anos com evento de adoção em nova loja conceito na Oscar Freire, em São Paulo
“Era imperativo para mim que tudo fosse feito do ponto de vista da Amy”, afirma roteirista de “Back to Black” “Era imperativo para mim que tudo fosse feito do ponto de vista da Amy”, afirma roteirista de “Back to Black”
© AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.