“Como nossos pais”, de Laís Bodanzky, terá première mundial em Berlim

O longa-metragem brasileiro “Como nosso pais” faz sua estreia mundial no próximo sábado, dia 11, na mostra Panorama Especial do Festival de Berlim, entre 09 e 19 de fevereiro.

Estarão da première alemã a diretora Laís Bodanzky, que também assina o roteiro; os atores  Maria Ribeiro e Felipe Rocha; o também roteirista Luiz Bolognesi; os produtores Fabiano Gullane e Caio Gullane; o diretor de fotografia Pedro J. Márquez; a diretora de arte Rita Faustini; a coordenadora internacional da produtora Manuela Mandler e o distribuidor Jean Thomas, da Imovision. Além da première, haverá outras sete exibições em Berlim.

Feliz com a participação em Berlim, a diretora Laís Bodanzky ressalta que estar no festival é um passo importante na carreira do filme. “É um festival que faz uma seleção rigorosa dos filmes e entrar na seleção já é passar por um filtro criterioso. Estar lá é estar sob um holofote de mercado. Cada filme é, de fato, um filho e esse não poderia ter nascido de forma melhor”, comenta.

Além da importância de levar o cinema brasileiro para Berlim, Laís destaca a relevância de mostrar o feminino nas produções audiovisuais. “É muito importante retratar o cotidiano da mulher, que é um tema muito contemporâneo. Quando se tem poucas mulheres dirigindo, se tem poucas mulheres colocando o seu ponto de vista. “Como Nossos Pais” é meu ponto de vista enquanto diretora e mulher, além de estar contando a narrativa de uma protagonista mulher nos dias de hoje”, explica a diretora.

Para o produtor Fabiano Gullane, ter o longa de Laís na seleção oficial do Festival de Berlim mostra como o cinema feito por ela está em sintonia com os temas e as discussões deste ano da Berlinale. Segundo ele, realizar a estreia mundial em Berlim e contar com a Wild Bunch como representante internacional de vendas permite traçar uma carreira do filme no mercado internacional.

O título conta a história de Rosa (Maria Ribeiro), uma mulher dividida entre o cuidado com as filhas, os afazeres domésticos, a convivência com o marido e a relação conflituosa com a mãe. Em meio a tantos afazeres, ela começa a questionar a sua rotina e tentar se redescobrir.

Exibições:

10.02 às 10h no CinemaxX 7

10.02 às 17h no Cinemaxx 13 (Market screening)

11.02 às 10h30 no CineStar3 (Press Screening)

11.02 às 19h30 no International (Premiere)

12.02 às 17h no Cubix 9

13.02 às 22h30 no Colosseum 1

14.02 às 9h no Cinemaxx 13 (Market Screening)

19.02 às 14h30 no Cubix 9

Crédito da foto: Priscila Prade.

da Redação A Toupeira

Filed in: Cinema, Saia da Toca

You might like:

Fazenda Futuro: Confira duas receitas para aproveitar os alimentos da estação, junto da chegada do outono Fazenda Futuro: Confira duas receitas para aproveitar os alimentos da estação, junto da chegada do outono
Amazon Prime Video lança filme sobre batalha musical com grande elenco de influenciadores digitais Amazon Prime Video lança filme sobre batalha musical com grande elenco de influenciadores digitais
Crítica: “Evidências do Amor” Crítica: “Evidências do Amor”
Crítica: “A Paixão segundo G. H.” Crítica: “A Paixão segundo G. H.”
© AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.