‘O Homem que matou Dom Quixote’ ficou 30 anos em produção: confira linha do tempo

Na próxima quinta-feira, 06 de junho, o filme “O Homem que matou Dom Quixote” finalmente estreará nos cinemas brasileiros, após quase três décadas em produção.

A gloriosa aventura, recheada de comédia e com um toque certo de drama e fantasia, conta a história de Toby (Adam Driver), um diretor de cinema desiludido que é levado para uma aventura onde fantasia e realidade se misturam quando um sapateiro espanhol que acredita ser Dom Quixote (Jonathan Pryce) o confunde por Sancho Pança.

Dirigido e roteirizado por Terry Gilliam (“Monty Python em Busca do Cálice Sagrado”), o filme enfrentou diversos problemas durante esses 30 anos de produção desde sua ideia inicial. De mudanças de elenco até dilúvio bíblico, as dificuldades foram inúmeras e quase inacreditáveis.

Confira na linha do tempo abaixo:

Nossa Crítica Completa será publicada na data de estreia.

da Redação A Toupeira

Filed in: Cinema

You might like:

Crítica: “Duna: Parte 2” Crítica: “Duna: Parte 2”
Crítica: “Dias Perfeitos” Crítica: “Dias Perfeitos”
Crítica: “Plano de Aposentadoria” Crítica: “Plano de Aposentadoria”
Crítica: “Amanhã” Crítica: “Amanhã”
© AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.