“Once – o Musical” volta aos palcos em 2024 para curta temporada

Crédito: Divulgação

Em 2023, “Once – O Musical” cativou mais de 40 mil pessoas em sua primeira montagem no Brasil. Agora, a partir do dia 25 de janeiro, o aclamado espetáculo ganhador de oito categorias do Prêmio Bibi Ferreira volta aos palcos para conquistar ainda mais pessoas. A história, ambientada nas ruas de Dublin, traz novamente Lucas Lima e Bruna Guerin como casal principal em um enredo repleto de emoção.

Os ingressos já estão disponíveis pela internet (http://www.sympla.com.br) ou presencialmente, nos pontos de venda por meio dos totens no Shopping Villa Lobos (1º piso) e na bilheteria do Teatro Villa Lobos (nos dias do espetáculo, 1h antes do horário do espetáculo até o início da apresentação).

O musical concorreu a 11 indicações do Prêmio Bibi Ferreira e levou 8 estatuetas para a casa nas categorias: Desenho de Luz (Fran Barros e Tulio Pezzoni); Desenho de Som (João Henrique Baracho); Versão (Mariana Elisabetsky); Coreografia (Gabriel Malo); Direção (Zé Henrique de Paula); Ator Revelação (Lucas Lima); Atriz (Bruna Guerin) e Melhor Musical.

Sinopse

“Once – O Musical” conta a história de um músico em Dublin, que toca suas composições próprias para arrecadar alguns trocados. Passando um dia por acaso, uma imigrante tcheca se encanta pelas melodias e entra, sem querer, na vida dele.

Quando menos percebem os dois estão compondo canções sentimentais juntos, mas encontram algumas dificuldades para dar início a um romance. Ela é casada e ele vem de um relacionamento amoroso frustrado.

A montagem no país marcou a estreia do cantor e multi-instrumentista Lucas Lima no mundo dos musicais, que apesar de já estar acostumado com os palcos, encarou um novo desafio profissional ao interpretar o papel de Ele, um músico de rua irlandês, hábil no violão, que trabalha com o pai em uma loja de consertos de aspiradores e se apaixona por Ela, uma imigrante da República Tcheca.

Bruna Guerin é a responsável por protagonizar Ela, uma pianista inteligente e espirituosa, que entra na vida de Ele sem querer e acaba mudando tudo. A atriz já tem experiência nos palcos e nas telas, tendo participado tanto de espetáculos quanto de novelas e séries de streaming.

“Once – O Musical” não fala apenas de amor, mas também tem como um de seus temas centrais a música. Por isso, os atores dobram de função, atuando também como integrantes da banda, tocando uma grande variedade de instrumentos ao longo da obra: violão, violino, violoncelo, bateria, baixo, acordeon e piano.

E, para desempenhar esses papéis tão complexos, além dos protagonistas, outros 14 artistas integram o elenco da montagem brasileira: Nando Pradho (Billy – Violão/cajon), Andrezza Massei (Baruska – Acordeon e concertina), Moises Lima (Pai – Cello/baixo/castanhola), Vanessa Espósito (Reza – Ukulelê), Thiago Brisolla (Gerente do Banco – Violino/bandolim/banjo), Abner Depret (Svec – Violão/ukulele barítono/bateria), Samir Alves (Andrej – Violino/Ukulelê/baixo elétrico), Paulinho Ocanha (MC – Violão/pandeirola), Bruna Zenti (Ex-namorada – violino), Pedro Vulpe (Ensemble – violão), Sofie Orleans (Ensemble – violino), Thiago Mota (Ensemble – Violão/baixo elétrico/cajon), Mikael Marmorato (Ensemble – Violão/baixo elétrico), Livia Maria e Juju Suman (Ivonka).

O espetáculo concorreu a onze Tony Awards em 2012, e acabou premiado com oito, incluindo os de “Melhor Musical”, “Melhor Roteiro” e “Melhor Ator”. Levou também um Grammy Awards na categoria “Melhor Álbum de Teatro Musical” em 2013.

“Once – o Musical” é baseado no filme irlandês homônimo (2006), escrito e dirigido por John Carney, que comoveu público e crítica nos quatro cantos do planeta. Tanto que “Falling Slowly”, música defendida na película pelos protagonistas e compositores Glen Hansard e  Marketa Irglova, surpreendeu o mundo ao vencer o Oscar de Melhor Canção Original e ao ser indicada ao Grammy em 2008.

Desde 2011, a montagem tem percorrido os principais palcos do mundo, incluindo a  Broadway (EUA), além de três turnês percorrendo todo os Estados Unidos; West End em Londres, Dublin (Irlanda); Melbourne e Sydney (Austrália); Seul (Coreia do Sul); Toronto (Canadá); e Buenos Aires (Argentina).

O espetáculo tem coprodução da Palco 7 Produções, de Marco Griesi; Rega Início Produções, de Renata Alvim; e Solo Entretenimento, de Daniella Griesi, com patrocínio do Boa Vista e apoio cultural da Denver. A direção será de Zé Henrique de Paula, com direção musical de Fernanda Maia e coreografias de Gabriel Malo. A versão brasileira é de Mariana Elisabetsky. Realização do Ministério da Cultura.

Serviço:

Once – O Musical

A partir de 25 de janeiro de 2024. Quintas e sextas-feiras, às 21h; sábados, às 17h e 21h; e domingos, às 17h

Teatro Villa Lobos

Avenida. Drª Ruth Cardoso, 4777 – Jardim Universidade Pinheiros – São Paulo/SP

Classificação etária: Livre, menores de 12 anos acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Ingressos a partir de R$ 25,00

da Redação A Toupeira

Filed in: Teatro

You might like:

Sugestão de Receita Kikkoman: Ratatouille com Shoyu Sugestão de Receita Kikkoman: Ratatouille com Shoyu
Crítica: “O Menino e a Garça” Crítica: “O Menino e a Garça”
Warner Bros. divulga trailer inédito de “Evidências do Amor”, comédia romântica com Sandy e Fabio Porchat Warner Bros. divulga trailer inédito de “Evidências do Amor”, comédia romântica com Sandy e Fabio Porchat
“Borderlands: O Destino do Universo Está em Jogo” ganha trailer e cartazes dos personagens “Borderlands: O Destino do Universo Está em Jogo” ganha trailer e cartazes dos personagens
© AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.