Direto da Toca: Conhecemos a sala “Bob Esponja – O Plano Fantasma” do Escape 60

Um dos personagens mais emblemáticos dos desenhos animados – e que acabou se tornando um ícone da cultura pop – completa 20 anos e vira tema de um divertido jogo de fuga na unidade Jardins do Escape 60, localizada na capital paulista.

A história da sala “Bob Esponja – O Plano Fantasma” nos convida a entrar no ambiente do restaurante Siri Cascudo para proteger a fórmula secreta do hambúrguer de siri e impedir que o vilão Plankton coloque suas mãos nele.

O cenário retrata com uma fidelidade incrível o local de trabalho de Bob e consegue transportar os escapers para a Fenda do Biquíni desde o momento em que a porta de fecha e o jogo começa. O aniversário é do personagem, mas o presente é dos fãs que se sentirão parte da divertida animação.

Com um ambiente amplo, a sala comporta sem problemas oito participantes – número máximo permitido por partida – mas ao mesmo tempo, ter tantas pessoas juntas pode ser uma decisão complicada, caso a equipe não tenha entrosamento o suficiente para conseguir se entender, já que a busca por respostas pede, na maior parte do tempo, atenção e calma para associar os detalhes.

O jogo conta com um ponto extremamente positivo: há apenas um cadeado. Os demais enigmas são propostos de maneira diversificada e bastante inteligente, porém, alguns não têm uma lógica que pode ser encontrada à primeira vista e, embora o monitor (no nosso caso, o simpático Rodrigo) deixe claro que todas as pistas necessárias estão disponíveis na própria ambientação, em certos momentos é necessário uma ajuda externa em forma de dicas.

Há um desafio em especial que poderia ser pensado de outra maneira, já que após encontrarmos a solução, precisamos executar muitas vezes determinada ação para conseguir ativá-lo repetidamente, a fim de mantê-lo ativo para ter acesso ao próximo passo.

Mais uma vez nossa equipe Escapers Divertidos não teve a concentração necessária e perdemos muito tempo em busca de respostas que estavam bem à vista. Deixamos passar coisas que deveriam ter sido percebidas sem a ajuda do monitor, mas por alguma razão, oito pessoas (sendo sete veteranos de jogos anteriores e apenas uma estreante) não foram capazes de fazer as associações necessárias para chegar às resoluções dentro dos 60 minutos.

Não escapamos da sala faltando apenas a resposta final – sabíamos o que fazer, mas não conseguimos acesso a senha a tempo, o que continua sendo muito frustrante, mesmo após mais de 30 partidas jogadas. Vale lembrar que o jogo é disponibilizado em duas versões: adulto e infantil, basta informar qual a sua preferência para que a cenografia seja montada de acordo.

Nadamos, nadamos, nadamos, para morrer na praia. Mais especificamente, na Fenda do Biquíni. Pelo jeito, não estávamos tão prontos assim, Capitão.

Importante: A sala está localizada no terceiro andar do estabelecimento e não há elevador para chegar até ela, sendo necessário subir vários lances de escada. O cenário é amplo, mas há pelo menos um ponto em que pessoas com mobilidade reduzida poderão ter dificuldades. As portas são estreitas e podem impedir que um cadeirante circule livremente.

Informações e reservas: www.escape60.com.br.

por Angela Debellis

Filed in: Direto da Toca, Saia da Toca

You might like:

Crítica: “Dora e a Cidade Perdida” Crítica: “Dora e a Cidade Perdida”
Crítica: “Ford Vs Ferrari” Crítica: “Ford Vs Ferrari”
Segunda edição de 2019 do maior festival de Magic: The Gathering da América Latina acontece em São Paulo Segunda edição de 2019 do maior festival de Magic: The Gathering da América Latina acontece em São Paulo
Batman 80 – A Exposição: O Coringa hackeou o batcomputador e criou uma super promoção! Batman 80 – A Exposição: O Coringa hackeou o batcomputador e criou uma super promoção!
© 2019 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.