Direto da Toca: Fomos à Coletiva de Imprensa de “Divino Amor”

Ocorreu na tarde de hoje, 25 de junho, a Coletiva de Imprensa do filme “Divino Amor”, na qual estavam presentes as atrizes Dira Paes e Mariana Nunes, o diretor Daniel Mascaro, o ator Emílio de Mello, e a coprodutora Rachel Daisy. O evento aconteceu logo após a exibição do longa, e proporcionou uma conversa bem interessante sobre as questões abordadas na produção.

“Divino Amor” trata da história de Joana, protagonizada por Dira Paes, a personagem é uma mulher extremamente religiosa, que trabalha em um cartório, e tenta dificultar os processos de divórcio dos casais, em busca de uma recompensa divina.

Daniel Mascaro explicou que durante toda a sua infância presenciou seus amigos se convertendo ao evangelismo, e cresceu com o anseio de descobrir um pouco mais sobre a religião, já que ela de certa forma propaga uma doutrina e mudança comportamental muito impactante na sociedade. Ele observou o quanto o conservadorismo se aproxima dos ideais do Estado, e daí surgiu a ideia de produzir um filme que segundo ele abrangesse “Estado, Religião e Corpo”.

A princípio o diretor mencionou que seu principal objetivo era realizar uma produção na qual absolutamente ninguém duvidasse da fé da personagem, e que tudo o que ela realizava era em nome de uma obrigação religiosa.

A história se passa no ano de 2027, mas não é tão futurista quanto parece, Daniel adicionou algumas características como: “drive thru” de orações, rave gospel, e encontros religiosos alternativos, que já existem, mas muitos ainda desconhecem.

Em relação ao elenco, o diretor e os coprodutores, representados por Rachel Daisy, foram unânimes ao escolher Dira para o papel da protagonista, a atriz também se pronunciou e disse que aceitou o convite assim que terminou de ler o roteiro. Ela comentou sobre as cenas de sexo que foram gravadas e mencionou que de sua parte, houve uma entrega total de seu corpo e espírito não só para as cenas mais íntimas, mas ao filme por completo.

O roteiro faz referência a Maria (mãe de Jesus), aborda temas como o erotismo gospel, e faz uma crítica ao fanatismo religioso. Ao serem questionadas sobre como os fiéis receberiam esse filme, as atrizes Dira Paes e Mariana Nunes responderam que talvez a obra possa desencadear certo preconceito, soar como uma afronta a algo sagrado, mas que o objetivo principal é mostrar que a sociedade está preparada para essas mudanças, e deixar o questionamento sobre até aonde a fé pode levar uma pessoa.

“Divino Amor” estreia nesta quinta-feira, 27 de junho, data em que você confere nossa Crítica Completa.

Crédito das fotos: Victória Profirio.

por Victória Profirio – especial para A Toupeira

Filed in: Cinema, Direto da Toca

You might like:

HBO estreia hoje o documentário ‘Gelo em Chamas’, de Leonardo DiCaprio HBO estreia hoje o documentário ‘Gelo em Chamas’, de Leonardo DiCaprio
Mharessa empresta voz à Yi, em “Abominável” Mharessa empresta voz à Yi, em “Abominável”
Super Pizza Pan adere aos canudos biodegradáveis Super Pizza Pan adere aos canudos biodegradáveis
No Dia dos Pais, Divino Fogão lança promoção em parceria com “Angry Birds 2 – O Filme” No Dia dos Pais, Divino Fogão lança promoção em parceria com “Angry Birds 2 – O Filme”
© 2019 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.