Direto da Toca: Fomos à Coletiva de Imprensa de “Divino Amor”

Ocorreu na tarde de hoje, 25 de junho, a Coletiva de Imprensa do filme “Divino Amor”, na qual estavam presentes as atrizes Dira Paes e Mariana Nunes, o diretor Daniel Mascaro, o ator Emílio de Mello, e a coprodutora Rachel Daisy. O evento aconteceu logo após a exibição do longa, e proporcionou uma conversa bem interessante sobre as questões abordadas na produção.

“Divino Amor” trata da história de Joana, protagonizada por Dira Paes, a personagem é uma mulher extremamente religiosa, que trabalha em um cartório, e tenta dificultar os processos de divórcio dos casais, em busca de uma recompensa divina.

Daniel Mascaro explicou que durante toda a sua infância presenciou seus amigos se convertendo ao evangelismo, e cresceu com o anseio de descobrir um pouco mais sobre a religião, já que ela de certa forma propaga uma doutrina e mudança comportamental muito impactante na sociedade. Ele observou o quanto o conservadorismo se aproxima dos ideais do Estado, e daí surgiu a ideia de produzir um filme que segundo ele abrangesse “Estado, Religião e Corpo”.

A princípio o diretor mencionou que seu principal objetivo era realizar uma produção na qual absolutamente ninguém duvidasse da fé da personagem, e que tudo o que ela realizava era em nome de uma obrigação religiosa.

A história se passa no ano de 2027, mas não é tão futurista quanto parece, Daniel adicionou algumas características como: “drive thru” de orações, rave gospel, e encontros religiosos alternativos, que já existem, mas muitos ainda desconhecem.

Em relação ao elenco, o diretor e os coprodutores, representados por Rachel Daisy, foram unânimes ao escolher Dira para o papel da protagonista, a atriz também se pronunciou e disse que aceitou o convite assim que terminou de ler o roteiro. Ela comentou sobre as cenas de sexo que foram gravadas e mencionou que de sua parte, houve uma entrega total de seu corpo e espírito não só para as cenas mais íntimas, mas ao filme por completo.

O roteiro faz referência a Maria (mãe de Jesus), aborda temas como o erotismo gospel, e faz uma crítica ao fanatismo religioso. Ao serem questionadas sobre como os fiéis receberiam esse filme, as atrizes Dira Paes e Mariana Nunes responderam que talvez a obra possa desencadear certo preconceito, soar como uma afronta a algo sagrado, mas que o objetivo principal é mostrar que a sociedade está preparada para essas mudanças, e deixar o questionamento sobre até aonde a fé pode levar uma pessoa.

“Divino Amor” estreia nesta quinta-feira, 27 de junho, data em que você confere nossa Crítica Completa.

Crédito das fotos: Victória Profirio.

por Victória Profirio – especial para A Toupeira

Filed in: Cinema, Direto da Toca

You might like:

Estrelado por Robert Downey Jr., ‘Dolittle’ está entre as estreias da semana no Looke Estrelado por Robert Downey Jr., ‘Dolittle’ está entre as estreias da semana no Looke
Warner Bros. Pictures e Telecine anunciam o primeiro longa-metragem de Luccas Neto Warner Bros. Pictures e Telecine anunciam o primeiro longa-metragem de Luccas Neto
Abbraccio leva tradição italiana para dentro da casa dos consumidores Abbraccio leva tradição italiana para dentro da casa dos consumidores
Fabiano de Abreu lança novo livro onde explica os sete pecados capitais pela ótica da filosofia Fabiano de Abreu lança novo livro onde explica os sete pecados capitais pela ótica da filosofia
© 2020 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.