Direto da Toca: Fomos à Coletiva de Imprensa de “Playmobil – O Filme”

Aconteceu na tarde de hoje, 05 de dezembro, a Coletiva de Imprensa de “Playmobil – O Filme”. No evento promovido pela Paris Filmes, o diretor Lino DiSalvo respondeu as perguntas da crítica especializada após a exibição da animação que estreia em 12 de dezembro nos cinemas brasileiros.

Muito gentil e preocupado com o bem-estar de todos os presentes (inclusive no que diz respeito à tradução de suas respostas para o português), o diretor americano contou sobre sua bem sucedida trajetória no ramo de animação (que inclui os títulos prévios “Frozen – Uma Aventura Congelante”, “Enrolados” e “Bolt – Supercão”) e como surgiu a ideia de se fazer uma produção que tivesse como base os icônicos Playmobil, linha de brinquedos criada por Hans Beck em 1974.

Para Lino, a diferença básica entre LEGO e Playmobil é que o primeiro é um brinquedo de construção (com cenários e temas pré-definidos), enquanto o segundo é um incentivo às narrativas criadas por quem brinca com seus bonecos – é o próprio consumidor quem vai determinar a condução das histórias, uma vez que, apesar do design ser bem semelhante no que diz respeito às figuras humanas, estas possuem diversos acessórios que possibilitam vários caminhos diferentes.

Quanto à escolha de Anya Taylor-Joy como a protagonista (o longa tem uma parte em live-action), Lino declarou que, apesar de ter firmado carreira com títulos mais “sérios” (como no aclamado terror “A Bruxa”), a jovem atriz manifestou desejo de trabalhar em um musical e, após conhecer a trama de “Playmobil – O Filme”, aceitou o papel imediatamente.

Com a história se passando em vários ambientes bem distintos, o diretor optou por criar algo que fosse comum a todos: pequenos easter-eggs que fazem referência especialmente aos anos de 1980, já que ele é fã de várias obras marcantes dessa época, com destaque para “Os Gonnies”, que, inclusive, inspirou boa parte dos elementos gráficos vistos em tela, assim como detalhes do enredo.

Várias alternativas foram cogitadas para a concepção do filme, inclusive a técnica de stop-motion utilizando os próprios bonecos originais, mas segundo Lino, “a narrativa dita o modo como você faz a história”, nesse caso, com personagens em CGI.

Sobre o provável aumento de popularidade dos brinquedos – que, com a estreia nos cinemas,  ganharão uma linha exclusiva temática – afirmou acreditar que vá acontecer. E já aposta em uma nova produção futura, tendo como protagonista o agente Rex Dasher (inspirado na versão de Roger Moore para o agente James Bond), cuja recepção foi declarada a mais favorável entre os espectadores, até o momento.

Confira nossa Crítica Completa na data de estreia.

Crédito das fotos: Angela Debellis.

por Angela Debellis

Filed in: Cinema, Direto da Toca

You might like:

Trilha sonora é destaque em novo vídeo de “Aves de Rapina” Trilha sonora é destaque em novo vídeo de “Aves de Rapina”
Watch TV disponibiliza duas temporadas de “As Tartarugas Ninja” Watch TV disponibiliza duas temporadas de “As Tartarugas Ninja”
“Sapatinho Vermelho e os Sete Anões” ganha primeiro teaser e pôster nacional “Sapatinho Vermelho e os Sete Anões” ganha primeiro teaser e pôster nacional
“1917” – Universal produz série de vídeos sobre a Primeira Guerra Mundial “1917” – Universal produz série de vídeos sobre a Primeira Guerra Mundial
© 2020 AToupeira. All rights reserved. XHTML / CSS Valid.
Proudly designed by Theme Junkie.